domingo, 10 de junho de 2007

Perdas


Eu perco as chaves, o guarda-chuva, a noção, o talão de cheque, a voz, o controle remoto, o cartão de crédito, o cartão de débito, o celular, o ônibus, a paciência, o carro no estacionamento, o outro pé do sapato, o outro pé da meia, o outro brinco, tempo, o joão victor, a vergonha, o chão, a linha e os sentidos.

Mas peso que é bom, nada...

5 comentários:

orlando camargo disse...

hahahaha mulheres... nunca satisfeitas!! huehahauheauea

Cyça disse...

Tô q nem vc... =/
Beijocas!

Paulinha disse...

Hhaushasuhsuahsau
adorei seu texto viiu
to na luta também, a gente so nao perde a cabeça pq ta grudada nao é assim?


Beijoos ;*

Edna Federico disse...

hahahahahhaha, adorei!!!!
Eu também não perco peso fácil nem fazendo promessa.

Fabio Rocha disse...

Mais importante é a leveza da alma... :)