terça-feira, 18 de novembro de 2008

Verão


amor de verão
a saudade é temporal
de águas passadas

2 comentários:

Trujillo disse...

De aguas passadas que nos fazem sempre lembrar o quanto somos vivos. O nome do seu blog me chamou atencao e o poema que ecreve logo na abertura e muito belo, sem comentar a foto.
Abrcs

http://acordesdeumavida.blogspot.com/

Fabio Rocha disse...

Adoro seus poetrix!